O Milênio da Nova Ordem Mundial

Outubro 19, 2011 at 7:59 pm

Obs.: O falso arrebatamento (transferido e atualizado em 13/12/08)

Resumo: As metas do milênio ou objetivos do milênio possuem origem esotérica. O seu objetivo final é criar o milênio de Baha’u’llah (o cristo cósmico) através de seus sinais com o uso de feitiçaria. Para que os cristãos se transformem em apóstatas, os esotéricos da ONU aproveitaram à interpretação errada do milênio Bíblico.

Em 2000, as 8 Metas do Milênio foram aprovadas por 191 países membros da ONU-PNUD. Os países, inclusive o Brasil, se comprometeram a cumprir as seguintes metas até o ano de 2015:

1. Acabar com a fome e a miséria; 2. Educação básica e de qualidade para todos; 3. Igualdade entre sexos e valorização da mulher; 4. Reduzir a mortalidade infantil;5. Melhorar a saúde das gestantes; 6. Combater a aids, a malária e outras doenças;7. Qualidade de vida e respeito ao meio ambiente;8. Todo mundo trabalhando pelo desenvolvimento.

Se a ONU fosse uma instituição cristã deveria usar o número 7 e não o 8. E mesmo se fizesse isso estaria fazendo algo fora da palavra de DEUS, pois  é a cabala e a ciência mística que deposita a fé nos números e não na Bíblia.

O número 8 na cabala representa: prosperidade, administração, materialidade, militarismo, poder, ambição, violência, opressão, linearidade (a inexistência de uma verdade absoluta) e o ajustamento para o próximo número que é o 9.

O Número 9 significa:

1) A tripla trindade mística. O milênio de Baha’u’llah possuirá a seguinte trindade unificadora: 1) A sua retirada do abismo; 2) uma aparição Mariana, e 3) a materialização de seu sinal unificador que é a estrela de nove pontas ( o deus-estrela renfã). Além de tudo isso, temos o falso arrebatamento e o batismo com o falso “espírito santo.”

2) O número nove também é regido pelos seguintes sentimentos: impulso, emocionalismo, nervosismo, egocentrismo, precipitação, exagero, indiscrição, teatralidade. Com a sua retirada do abismo, as pessoas serão batizadas com o falso “espírito santo” e ficarão com os sentimentos aqui descritos.

Mas para que os cristãos aceitem o “milênio da ONU”, o “milênio de baha’u’llah” infiltrou-se em todas as interpretações do “milênio Bíblico.”

A palavra milênio significa mil anos (do lat. Millennium, “mil anos”). O termo vem de Apocalipse 20.4-5, onde se diz que: “viveram e reinaram com Cristo durante mil anos”. Os restantes dos mortos não reviveram até que se completassem os mil anos. Ao longo da história da igreja tem havido três visões principais sobre a interpretação do milênio que são:

Amilenismo – Os amilenistas crêem que o milênio está em processo de formação. A inexistência de um milênio faz com que os defensores desse pensamento aceitem a meta do milênio número 8.

Pré-milenismo -É a doutrina que afirma que após a segunda Vinda de Cristo, ele reinará por mil anos sobre a Terra antes do milênio. Como os sinais unificadores de Baha’’u’llah, os defensores desse pensamento também aceitarão a meta do milênio número 8.

Pós-milenismo – Sua idéia básica é esta: Cristo vem após o milênio. Sua vinda será pós-milênio. Com o falso arrebatamento, alguns cristãos vão pensar que era a vinda de cristo e aceitarão a meta do milênio número 8.

Se isso funciona? Basta ler a notícia abaixo e ver como as igrejas estão se apostasiando rapidamente:

Igrejas são incentivadas a estabelecer metas para o Milênio

A Consulta sobre Riqueza, Pobreza e Ecologia, reunida em San Cristóbal de 6 a 10 de outubro, incentivou as igrejas a firmarem metas do Milênio 2015, conclamando-as à ação

A Consulta incentiva as igrejas a participar de estratégias nacionais para a redução da pobreza, assim que contribuam na formulação de políticas, sua implementação e monitoramento em seus respectivos países.As igrejas foram desafiadas a organizar uma aliança mundial inclusiva para globalizar a solidariedade, criar uma rede ecumênica de instituições de pesquisa com vistas à troca de informações e apoio a suas ações.

Fonte: ALC

Essa é uma das formas de apostasia que antecedem o reinado da Besta do Abismo e do Anticristo descrita pelo Apóstolo Paulo:

Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição, (II Tessalonicenses 2 : 3)

Para entender o que realmente está acontecendo, é necessário voltar ao tempo no século XVI. Essas três divisões foram criadas por João Calvino. A principal característica do calvinismo consiste em não ler as profecias escatológicas. João Calvino chegou ao ponto de exigir a retirada do livro do Apocalipse do cânon bíblico. Hoje não são poucos os líderes evangélicos no Brasil que defendem esse pensamento absurdo em relação ao Apocalipse.

Mas voltando ao João Calvino…Ora, como ele poderia fazer uma interpretação escatológica de algo que ele mesmo reprovou? Nesse caso a fé Bahá’i , a  ONU, o evangelista americano Billy Graham, os maçons e outras personalidades religiosas pegaram apenas uma parte do versículo Bíblico que diz: “..e viveram e reinaram com Cristo durante mil anos…” e estão implantando  essa doutrina na maior parte das igrejas, mas o versículo completo  diz:

E vi tronos; e assentaram-se sobre eles, e foi-lhes dado o poder de julgar; e vi as almas daqueles que foram degolados pelo testemunho de Jesus, e pela palavra de Deus, e que não adoraram a besta, nem a sua imagem, e não receberam o sinal em suas testas nem em suas mãos; e viveram, e reinaram com Cristo durante mil anos. (Apocalipse 20 : 4)

Ou seja, o verdadeiro milênio surgirá após a morte (e por degolação) de todos os cristãos deixados para trás devido a interpretação Bíblica errada aqui apresentada.

Para escapar dessa tapeação global é necessário conhecer as escrituras apocalípticas, reconhecer o verdadeiro Anticristo e a Besta do Abismo entre outros sinais que surgirão, ficar atento aos acontecimentos e aguardar o verdadeiro arrebatamento que não possuirá sinal algum.

Porque, assim como o relâmpago sai do oriente e se mostra até ao ocidente, assim será também a vinda do Filho do homem. (Mateus 24 : 27)

Dois estarão no campo; um será tomado, o outro será deixado. (Lucas 17 : 36)

E, respondendo, disseram-lhe: Onde, Senhor? E ele lhes disse: Onde estiver o corpo, aí se ajuntarão os abutres (Lucas 17 : 37)

Referências:

http://alcnoticias.com/interior.php?codigo=12570&lang=689

http://www.geocities.com/joshuaibg/textos/a_vida_e_obra_de_joao_calvino.htm

http://www.cacp.org.br/estudos/artigo.aspx?lng=PT-BR&article=1318&menu=7&submenu=3

http://www.magiadourada.com.br/numero.html

Advertisements

Entry filed under: Uncategorized.

O Apocalipse adventista do sétimo dia – Parte I O plano de 7 etapas de mudança do comportamento II


Categorias

Arquivos