A origem da ONU – parte II

Dezembro 7, 2008 at 6:01 pm

Você está preparado para enfrentar a Nova Ordem Mundial? A  Ordem Mundial  Illuminati e a Ordem Mundial de Baha’u’llah estão implantando gradualmente os seus respectivos planos de governo na sociedade. Acompanhe o progresso de cada uma através das notícias do dia a dia sem a manipulação  da mídia e como discernir esses dois sistemas de governo.

Resumo: Os livros sagrados que controlam a ONU passaram por duas reformas. A primeira foi criada por Siyyid Ali Mohammad. Ele anulou a interpretação do Alcorão e da Bíblia através de um ritual em Meca para implantar o babismo que posuia o Bayán como leis espirituais; uma dessas leis permitia o uso de tatuagens com o objetivo de anteceder o sinal unificador que será implantado no futuro; porém, muito mais avançado.

Para entender melhor a origem espíritual da ONU precisamos voltar ao ano de 1844 na Pérsia (atual Irã). Foi nessa época em que o jovem [1]- Siyyid Ali Mohamad (1819-1850) com apenas 25 anos anunciou ser o Q’aim (aquele que se levanta). E desde então ele ficou conhecido como o Báb (A porta). Para os xiitas, ele deveria ser aquele que precede o 12 Imã oculto. Mas os xiitas aguardam de forma direta a revelação desse Imã , por esse motivo e por ter anulado as leis do Alcorão, o Báb foi aprisionado em vários locais, sendo finalmente fuzilado em Tabríz, em 1850, por um pelotão de 750 soldados. Após Sua morte, mais de 20000 de Seus seguidores foram martirizados, mas isso não foi capaz de deter a expanção e evolução do babismo.

Para nós, os cristãos verdadeiros, ele é o sétimo rei do livro de apocalipse (aquele que convém que dure um pouco de tempo) e que antecede o oitavo rei (Ap 17:11):

E são também sete reis; cinco já caíram, e um existe; outro ainda não é vindo; e, quando vier, convém que dure um pouco de tempo. (Apocalipse 17 : 10)

Abaixo temos um resumo dos principais feitos do Báb para a nova ordem mundial:

1) Entenda como o Báb anulou:

a)) O Alcorão

Em dezembro de 1844, o Báb partiu para Meca, onde são feitas as orações do ramadan; e realizou um ritual bem diferente. Ele matou nove animais em seu nome. A morte de 9 animais representa a unificação das nove principais religiões. Após esse sacrifício circundou a Kaaba. Esse círculo bahairepresenta a submissão do islã ao babismo que foi a religião criada por ele. A forma circular na Kaaba e a morte dos animais criou um objeto semelhante a figura ao lado que é uma estrela de nove pontas. E assim o Sinal e o número 9 foram consagrados na nova ordem mundial. E agora só faltava a revelação do nome do imã oculto número12 para dar inicio à nova economia mundial (AP 13:17).

b) A Bíblia

Como sabemos, o número que representa o Senhor Jesus é o sete (Apocalipse 1:12). O Báb se considerava o último manifestante de cristo. Antes do sacrifício, ele se considerava regido pelo número 7. Ou seja, 1 (uma manifestante de DEUS) /7 (um suposto cristão ou as sete voltas na Kaaba). Se dividirmos esse número (1/7) nós obtemos o PI que representa a volta circular que ele fez na Kaaba: 0,142857. Como ele anulou os ensinamentos do Senhor Jesus ele realizou a operação inversa que é a multiplicação. Se multiplicarmos 0,142857 por 7 temos: 0,999999 que é o número sagrado da nova ordem. E agora sim ele poderia interpretar a Bíblia e o Alcorão da maneira que bem quisesse, pois ele recebeu poder espiritual de satanás para começar a sua obra.

2) A implantação do babismo em algumas seitas atuais

O ano de 1844 foi marcado por cálculos, sonhos e visões sem qualquer fundamento Bíblico. O primeiro erro cometido na igreja antiga foi feito por William Miller que cometeu o fiasco de calcular a volta de cristo para esse ano. O cristo dos seus cálculos era nada mais e nada menos que o próprio Báb. Quando os remanescentes do dia da decepção deram continuidade aos seus ensinamentos errados, o babismo foi inserido através de sonhos. Uma pessoa que mereceu grande destaque foi Ellen G. White,uma senhora constantemente perturbada espiritualmente, acabou criando a Igreja Adventista do sétimo dia. E hoje o Apocalipse adventista, formado pelo Papa e o presidente americano, servem de porta para a nova ordem mundial, pois colocando esses líderes em evidência na mídia, o governo oculto pode continuar trabalhando tranqüilamente.

A implantação do babismo também aconteceu com Joseph Smith. (criador da igreja Mórnon)  Ele deixou a seguinte profecia para o ano de 1844:

Quando o Salvador aparecer vê-Lo-emos como é. Veremos que é um homem como nós. (130, 01) E hoje os mórmons aguardam aguarda a chegada da estrela de nove pontas que trará a paz global na terra.

Uma das seitas mais recentes onde o babismo foi implantado é a IURD (igreja universal do reino de DEUS), o empresário Edir Macedo (dono dessa denominação) diz ter recebido revelações de que o estadista José governará a terra. Esse empresário acabou escrevendo o livro “O plano de poder”, onde ele convoca a comunidade evangélica para participar da nova ordem mundial.O estadista José também pode ser encontrado no Qayyúmu’l-Asmá ( Comentário da Surata de José) criado pelo Báb.

3) O uso de tatuagens

O Báb também escreveu um livro chamado “O Bayan Persa.” É nesse livro que contém a lei para o uso de tatuagens na nova ordem mundial. Hoje, essa tatooidentificação planetária poderá evoluir muito com a descoberta do laser de 1 terawatt. Esse tipo de laser poderá transferir uma imagem em frações de segundos futuramente. Resultado de uma pesquisa realizada:

“Notamos que não existiu efeito térmico, ou seja, cortamos o material, utilizando enorme quantidade de energia, e não houve aquecimento”, conta Vieira. Com isso, ele explica, será possível aplicar a mesma técnica em tecido humano.”

http://www.radiobras.gov.br/ct/2002/materia_181002_5.htm
http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=010115070321

4) O Anuncio do próximo manifestante

E assim…o Báb espalhou os seus seguidores Babis pela Pérsia, mais especificamente entre os sunitas, para aguardarem a chegada do prometido, do qual ele deixou essas palavras :

“Bem-aventurado é Aquele que fixa o olhar na Ordem de Bahá’u’lláh e rende graças a seu Senhor!” (13:6 Vahid)

Advertisements

Entry filed under: 01-A origem da ONU.

A Origem da ONU – Parte I A origem da ONU – parte III


Categorias

Arquivos


%d bloggers like this: